Quinta-feira, 25 de Outubro de 2007

:(

A vida é a coisa mais frágil que podemos ter!
Os picos de insanidade, as reviravoltas na cama, e os porquês que surgem, a vida humana!
As nossas fraquezas que tentamos esconder mas que vêm sempre ao de cima.
Tudo isto é o quê?
Não é nada, é apenas para mostrar que somos uns fracos e uns infelizes, sim, pois ninguem que me diga que é feliz pois é mentira!
Nimguém é feliz permanentemente, pode ter a sorte de o ser de vez em quando mas nunca permanentemente!
Isto é a vida, a minha e a de toda a gente!
Quando alguém encontrar a formula de ser feliz que ma envie se faz favor!

publicado por socomigomesma às 22:12
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Terça-feira, 16 de Outubro de 2007

Adoro me

Viajando
pelos cantos mais profundos do meu ser
Descobri-me...
Descobri quem sou eu...
Adoro ler, escrever, pintar,
Adoro sorrir, conhecer e fotografar
Adoro-te a ti ao mundo e a mim
Descobri a tristeza que me cobria
Descobri a beleza na alegria
A influência de um sorriso
Descobri me a mim...


Adoro o meu cabelo,
Adoro o meu sorriso
Adoro as coisas que tanto preciso
Adoro a liberdade
A luxúria e sinceridade
Adoro a vida
As cicatrizes de infância
Adoro tudo em mim
Desde agora até criança
Adoro o amanha
Adoro desafios
Adoro a noite e o dia
Adoro o mar e navios
Adoro passarinhos
Adoro borboletas
Com suas mil cores
Confundindo se com flores
Adoro o que me rodeia
Adoro ser eu
Adoro a minha existência
Faz parte da minha vivência
Adoro música
Adoro dançar
Adoro a noite, as estrelas e o luar
Adoro animais e todos os seres
Adoro as plantas
Com seus mil prazeres
Adoro joaninhas e borboletas
Adoro caes e violetas
Adoro velas
Adoro incenso
E principalmente
Adoro o sabor do vento....

Imagem por: http://www.flickr.com/photos/festblues/

sinto-me:

publicado por socomigomesma às 12:38
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 11 de Outubro de 2007

So...

Sentada na sala fria e vazia
Sinto saudades tuas...
Não quero ficar perdida
Nesta solidão a que me habituas.
Minha alma já não sente...
Meu coração já não bate...
Minha vida anda ao sabor da corrente
Meus sonhos são doces como chocolate.
Pena a crueldade da sina
De se mostrar  imperativa
Nas etapas da minha vida...



Imagem por: sammigurl61190.deviantart.com

publicado por socomigomesma às 23:48
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 10 de Outubro de 2007

Perdida

Sinto me perdida no meio de todas as coisas.

No meio das folhas secas de Outono,

No meio de todas as lágrimas do oceano,

No meio das flores que desabrocham na Primavera

Sinto me perdida no meio da beleza das coisas

Daquelas que me rodeiam

E a sensação de irmos todos os dia no mesmo autocarro

E um dia vimos uma casa diferente na berma da estrada

Ou uma cara diferente mas que esteve lá todos os outros dias

É por vezes o stress da vida que nos deixa tão envolvidos,

Que nem nos apercebemos do que se passa em nosso redor.

Espero que isto não aconteça com toda a gente

Mas,

Caso aconteça,

Que algum dia as pessoas acordem

E que encontrem a beleza de um sorriso de um desconhecido...





Imagem por: http://scorsagra.deviantart.com/

publicado por socomigomesma às 22:33
link do post | comentar | favorito
|

Lá...

Lá... no meio da solidão a que chamas vida

Lá... na casa em que vives à anos mas que não te pertence

Lá... no vazio do teu quarto,

Lá... no meio das tuas coisas

Lá... no fundo do teu coração...

Tentas encontrar um pouco de esperança,

Tentas perceber porque é que tudo corre mal,

Porque é que a vida te prega partidas ingratas

Mas...depois de muito procurar e pensar

Apercebes te que afinal a vida é mesmo isso

É uma solidão que insiste em permanecer mais do que a alegria,

É um vazio que por mais que tentes preencher sobra sempre um espacinho,

E é o teu coração que apesar de tudo...

É a única coisa que continua a bater!

publicado por socomigomesma às 19:41
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 9 de Outubro de 2007

...

Olhando para o infinito escuro
 
Sinto paz e esperança

E em cada ponto que brilha

Encontro a tua lembrança

O teu rosto

O teu sorriso

O teu ser

O teu infinito...


sinto-me:

publicado por socomigomesma às 22:32
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Cada vez...

De cada vez que olho em vão

Sinto um vazio enorme

Aperta se me o coração

Cada vez que relembro o teu nome...

São infinitos meus pensamentos

São incontáveis meus desejos

Fazes me mergulhar de prazer

Cada vez que recordo os teus beijos.
sinto-me: Perdida
música: Sarah Brightman- Deliver me

publicado por socomigomesma às 22:17
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 4 seguidores

.pesquisar

 

.Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

13
14
16
17
18
19

20
22
23
24
25
26

28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. "a tua ausência é, em cad...

. Quando a chuva passar

. ...

. ...

. Saudades

. .

. Tristeza...

. Ano Novo...

. Infelicidade...

. :(

.arquivos

. Janeiro 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds